cadeado Área Restrita

Publicidade

Notícias

Geral - 07/07/2017
Entrevista com Fabio Zacharias Focaccia - Banco Paulista S/A








foto tirada no evento ANFAC sobre Antecipação de Recebíveis de Cartões de Crédito. Da esquerda para a direita: Luiz Chaim (Bco. Paulista SA), Charles Christiano (Lavoro Crédito), Fabio Zacharias (Bco. Paulista SA), Luiz Carlos (FIDC Goal One) e Carlos Silva (Crescer Crédito)





Após o evento realizado pela ANFAC e SINFAC-RJ na Bolsa de Valores do Rio de Janeiro, no dia 27/06, o SINFAC-RJ entrevistou, por e-mail, Fabio Zacharias Focaccia um dos responsáveis pela área de desenvolvimento Recebíveis de Cartões do Banco Paulista S/A.

1) Qual o perfil do Banco Paulista?
 
Fabio Zacharias: Fundado em 1990, o BANCO PAULISTA atua como banco múltiplo, oferecendo produtos e serviços em vários segmentos: Empréstimos para Pessoas Jurídicas, Câmbio, Ouro, Finanças Estruturadas e Manutenção de Domicílio Bancário. Para Instituições Financeiras e Fundos de Investimentos, apresenta serviços de Agente de Compensação, Liquidação Financeira, e Custódia de Títulos e Valores Mobiliários.
Destaca-se nos Mercados de Câmbio e de Ouro, sendo um dos principais players do Mercado, e é líder em número de operações de Custódia de FIDCs.
Em conjunto com a SOCOPA, sua subsidiária integral, com sólida reputação e tradição de 50 anos no Mercado Financeiro, atua na montagem de Operações Estruturadas de Tesouraria e de Derivativos.
 
 2)  Qual a atuação do Banco Paulista na área de FIDCs?
 
Fabio Zacharias: o Banco Paulista vem atuando como Custodiante líder de FIDCs*, o BANCO PAULISTA oferece o serviço de Custódia e Controladoria de FIDCs, que abrange a recepção e a análise dos documentos que evidenciam o lastro dos direitos creditórios, bem como a validação desses direitos em relação aos critérios de elegibilidade estabelecidos pelo regulamento do fundo e a realização da liquidação física e financeira evidenciada pelo Instrumento de Cessão dos Direitos. A partir de 17/07, esse serviço passará a ser oferecido pela SOCOPA, subsidiária integral do PAULISTA,  tendo em vista a melhoria nos processos e a elevação do nível de controle.
* Ranking Uqbar 2016, por número de operações – consolidado.
 
3) Fale um pouco sobre como está estruturada essa parceira do Banco Paulista e ANFAC para o mercado de Antecipação de Recebíveis de Cartões de Crédito.
 
Fabio Zacharias: O BANCO PAULISTA homologou-se junto ao SCG/CIP para trava de domicílio bancário, visualização de agenda de recebíveis futuros e liquidação. E juntamente com a Anfac, através de prestação de serviços, oferece às Factorings, Securitizadoras, FIDCs e Financeiras a oportunidade de operar na atividade de antecipação de recebíveis de cartões com as mesmas ferramentas e segurança com as quais operam os grandes bancos, num um mercado de R$ 1,3 trilhões anuais.
 
4) E como funciona a Antecipação de Recebíveis de Cartões de Crédito?
 
Fabio Zacharias: O BANCO PAULISTA trava o domicílio do Estabelecimento Comercial para crédito dos seus recebíveis de cartões. Através de um contrato tripartite com o BANCO PAULISTA e a Factoring, o Estabelecimento Comercial ("cedente") autoriza que o BANCO PAULISTA transfira de sua conta para a conta da Factoring os valores correspondentes às antecipações tomadas, liquidando a operação realizada junto a essa Entidade. O PAULISTA disponibiliza para a Factoring e para o Estabelecimento comercial um sistema web para visualização da agenda de recebíveis futuros e comando dessas antecipações. A Factoring tem total autonomia para negociar junto ao Estabelecimento Comercial as condições de sua operação, sem interferência alguma do BANCO PAULISTA.

fonte: SINFAC-RJ
 

 

Publicidade